Só Barroso - Automóveis de qualidade

Audi confirma primeiro SUV elétrico para 2018

A Audi continua a preparar-se para a “revolução elétrica”, anunciando que a sua rede de produção esta já a ser atualizada para o fabrico destes novos modelos de emissões 0.

22 janeiro 2016

A produção do primeiro SUV inteiramente elétrico da Audi terá início no ano de 2018 em Bruxelas, onde a marca germânica também se vai dedicar à produção das suas baterias. Esta foi a principal informação revelada pelo fabricante de Ingolstadt durante o anúncio de que a sua rede de produção está já a ser totalmente atualizada, tornando a capital da Bélgica num “local-chave” para a mobilidade elétrica do Grupo VW, onde se incluem os novos modelos “e-tron” da marca dos quatro aros.

A restante produção de veículos também sofre alterações, passando o A1 a ser produzido em Espanha (no principal centro da Seat, em Martorell) e o Q3 na Hungria (Gyor). “A nova distribuição dos modelos aumentará a eficiência da nossa produção e fortalece todas as fábricas envolvidas.”, disse Ruper Stadler. O presidente do conselho da administração da Audi rematou afirmando que que esta modificação vai “possibilitar utilizar mais sinergias dentro do Grupo VW e juntar competências chave.”.

O protótipo Audi e-tron quatro apresentado no Salão Automóvel de Frankfurt em 2015 deixa claros indícios de como a versão final de produção do novo SUV poderá vir a ser. O novo modelo deverá receber a designação Q6, encaixando-se na gama de SUVS entre os já existentes Q7 e Q5. Equipado com três propulsores elétricos e uma bateria de alta capacidade o Audi e-tron pretende ditar novas referências no que se refere comportamento desportivo, dinâmica de condução e eficiência, estando previsto que a sua autonomia supere os 500Km. A capacidade de recarga rápida das baterias será outra das novidades com que o futuro Audi Q6 procurará atrair novos públicos para a mobilidade elétrica.

Fonte: Turbo