Só Barroso - Automóveis de qualidade

Viagens com poupança: de combustível e da sua viatura

O Verão traz consigo calor e vontade de viajar. Se este ano as suas férias implicam levar carro, então leia estas dicas sobre como pode rentabilizar o consumo de combustível e, consequentemente, estimar a sua viatura.

29 julho 2019

Uma viagem representa desgaste financeiro e, por isso, é importante pouparmos ao máximo naquilo que nos é possível. Se este ano as suas férias implicam levar carro, então estas dicas são essenciais para rentabilizar o consumo de combustível:

  • Pressão dos pneus: verifique, antes da viagem, a pressão dos pneus. Uma calibração incorreta implica cerca de 2% a mais de consumo, para além de diminuir o tempo útil do pneu.
  • Manutenção em dia: é importante ter a certeza que todos os componentes da viatura estão a funcionar em plenitude. Um problema nos filtros, por exemplo, pode agravar o consumo de combustível em 50% mais. Além disso, é impreterível que o carro tenha as manutenções em dia para o seu correto funcionamento e desempenho.
  • Conta-rotações: ouça o seu conta-rotações e decifre os diferentes barulhos da viatura. É muito importante que não ultrapasse as 2500rpm/3000rpm em motores a gasóleo e as 3000rpm em motores a gasolina. Coloque uma mudança acima antes do ponteiro atingir esses valores.
  • Caixa de velocidades: opte pelas mudanças mais elevadas, sempre que tal for possível.
  • Condução defensiva e moderada: estudos comprovaram que uma condução económica está intimamente ligada com a postura adotada pelo condutor. Uma condução defensiva e ponderada, para além de mais segura para si e para os outros, leva gastos menores de combustível.
  • Peso da bagageira: uma bagageira mais leve inibe gastos desnecessários de combustível. Guarde tudo o que não precisa em casa ou na garagem e evite esforços acrescidos e evitáveis ao seu automóvel.
  • Sistema Start&Stop: caso o seu carro não disponha deste sistema, faça-o vocês mesmo. Em paragens de 1 minuto ou mais, desligue o motor.
  • Acessórios acrescidos: utilize a sua viatura para transportar “apêndices” em situações de extrema necessidade (ex: bicicletas, atrelado, etc.). O peso extra, para além de alterar a aerodinâmica do automóvel, exige um esforço extra do motor e, consequentemente, mais consumo de combustível.
  • GPS: utilizar o GPS em caminhos que lhe são estranhos ajuda-o a economizar, evitando desvios desnecessários e caminhos mais longos e morosos.
  • Pressão no acelerador constante: manter a pressão efetuada no acelerador constante é um fator positivo quando o assunto é condução económica, mesmo que isso implique uma diminuição da velocidade nas subidas.

 

Estas pequenas dicas são comportamentos fáceis de inserir na nossa rotina de condução, mas que a longo prazo fazem diferença, quer no consumo de combustível, quer no desempenho da viatura.

Para uma viagem em pleno e para assegurar que estima devidamente o seu carro, certifique-se que tem as manutenções em dia, que os pneus estão com a pressão correta e devidamente calibrados, que tem todos os documentos consigo e válidos (ex: seguro automóvel), que tem a viatura limpa interna e externamente (de modo a evitar, por exemplo, corrosão da pintura) e que tem o depósito de combustível devidamente atestado para evitar situações desagradáveis.

A praia faz bem à alma, mas é um “inimigo” do seu carro. Tenha prudência quanto ao número de horas que o seu automóvel fica ao sol e higienize bem a sua viatura após cada ida à praia para evitar corrosões futuras. Veja alguns truques e dicas aqui.

Se conseguir pôr em prática e assegurar tudo o que foi anteriormente mencionado, então terá de certeza uma viagem com poupança e sem surpresas!

 

Conheça já todos os nossos automóveis usados em stock

 

Outras notícias: