Carros Usados Importados - Conheça as Desvantagens

Comprar carros usados importados pode até ser mais barato ou, às vezes, pode estar bem mais equipado pelo mesmo preço do que as versões mais baixas comercializadas em Portugal. Pode até encontrar um modelo ou versão especial que não está disponível no mercado nacional, sejam carros utilitários, carrinhas familiares, SUV's, monovolumes ou outros.

Existem muitos fatores que podem levar a escolher entre comprar um carro usado importado e um carro usado nacional.

Na Só Barroso apenas comercializamos viaturas nacionais até 5 anos, no entanto existem muitas opções no mercado de carros usados importados.

Comprar Carro Usado Importado

Quer comprar um carro noutro país europeu porque viu uma boa oportunidade e até lhe fica mais barato, mas, no entanto, tem receio de não saber tratar da legalização da viatura e de gastar muito dinheiro neste processo?

Adquirir um automóvel noutro país pode trazer vantagens porque pode encontrar carros usados baratos ou devido a uma maior variedade de marcas e até a existência de algum modelo que não é comercializado em Portugal. 

No entanto, comprar um carro importado tem desvantagens. A maior delas é que precisa passar por um processo de legalização do automóvel em Portugal que pode ser custoso e moroso

Conheça aqui algumas das principais desvantagens em comprar carro usado importado.

devantagens carros usados importados

Desvantagens de comprar carro usado importado

Histórico de manutenção desconhecido

Não tendo os carros importados registo em Portugal torna-se mais complicado aceder ao historial completo dos mesmos. Apenas a partir do momento em que o carro chega a Portugal, feito o registo e a viatura passa a possuir matrícula portuguesa é que se começa a criar histórico. 

Histórico de sinistros desconhecido

Se estiver interessado num carro usado importado, tem de tentar perceber se o automóvel já possui algum sinistro ou qualquer outra ocorrência que possa comprometer o bom estado e funcionamento da viatura no período em que este ainda se encontra no estrangeiro.

Possível adulteração de quilómetros

A adulteração da quilometragem do carros importados é também um problema real. Comprovar os quilómetros reais pode tornar-se numa tarefa muito difícil.

Uma das formas para tentar compreender se os kms do carro importado são reais é a través do livro de revisões. Não deixe de perguntar por ele independentemente dos anos que o carro tiver. Com o livro pode ver as primeiras revisões e perceber quanto andou e os que fez nos primeiros anos.

Outra alternativa de informação que não deve descurar é o VIN. Por cerca de 10 euros pode ter acesso a tudo o que aconteceu e está regista no número de identificação do veículo (VIN). Basta que o vendedor o deixe anotar o número do VIN e fazer a pesquisa numa base de dadas como a vin-info.com.

Maior desgaste

Um outro aspeto que necessita da sua atenção é a possível corrosão apresentada nas viaturas usadas importadas.

Usando o exemplo da Alemanha e França, tendo estes países em muitas regiões uma grande intensidade de neve, é feito um uso recorrente ao sal para prevenir este problema.

Graças a isso, estes carros acabam por apresentar níveis de corrosão e desgaste bastante mais acentuados que podem comprometer a longevidade da sua viatura. Como tal, os custos a posteriori podem ser maiores.

Desvalorização

Existem também outro fator associado aos carros importados. No caso de um dia querer vender a viatura esta terá automaticamente um valor mais baixo pelo simples facto de ser importado.

Custos de deslocações e estadia

Pode ser uma boa opção comprar carro importado devido aos valores apresentados mas ir à Alemanha ou França comprar carro e legalizá-lo em Portugal pode ser um problema. 

Ao decidir compra rum carro importado necessita de ter em atenção os custos. É necessário somar uma série de despesas, a começar pela deslocação e estadia.

Despesas de transporte

Outra fator importante a ter em conta são os custos de transporte do carro importado. Porque depois de o comprar, como é que o vai trazer para Portugal?

Segunda a Comissão Europeia, existem três hipóteses para o fazer. Por reboque, por trela a um veículo registado e com seguro, contratar uma empresa de transporte especializada ou conduzi-lo até casa. 

O mais frequente costuma ser a última opção, mas neste caso necessita de ter especial atenção que precisa de um seguro válido para todos os países por onde vai circular e uma placa de matrícula provisória. Para além do seguro, precisa de ter em atenção as despesas de combustível e portagens.

Inspeção

Depois de chegar a Portugal, o automóvel importado precisa de realizar a inspeção no Centro de Inspeção Técnica de Veículos. Ai vão verificar se as caraterísticas do automóvel estão em conformidade com os documentos que trouxe.

Declaração Aduaneira de Veículos (DAV)

Assim que o carro importado chegue a Portugal é necessário preencher a Declaração Aduaneira de Veículos  (DAV). Pode fazê-lo presencialmente na Alfândega ou online, no Portal Aduaneiro. 

A matrícula portuguesa será então atribuída pela DAV depois de o ISV estar pago.

Impostos Sobre o Veículo (ISV)

Chegado a Portugal terá de pagar o Imposto Sobre o Veículo (ISV). O Imposto Sobre Veículos (ISV), incide sobre os automóveis ligeiros de passageiros, mercadorias ou mistos, auto caravanas, motociclos, ciclomotores, triciclos e quadriciclos. O ISV é devido no momento da matrícula ou após qualquer transformação que altere as características do veículo que implique uma tributação mais elevada ou sujeição ao imposto. 

O valor a pagar do Imposto Sobre Veículos (ISV) calcula-se na componente cilindrada, multiplicando a cilindrada pela taxa por cc e subtraindo a parcela a abater. A este valor soma-se a componente ambiental, que se calcula multiplicando a taxa pelo índice de CO2. Ao resultado obtido subtrai-se o valor a abater da componente ambiental. A soma das duas componentes, resulta o ISV a pagar.

Quanto custa a legalização de uma carro importado?

É necessário fazer as contas antes da compra porque o custo de legalização do automóvel em Portugal pode nem sequer compensar o trabalho e procedimentos envolvidos. Há que contar com algumas despesas como impostos, taxas e emissão de documentos. 

Compra Carros Usados Nacionais

Ao optar por comprar carro usado nacional está a garantia uma segurança de compra que os carros importados não conseguem.

Ora vejamos!

Comprar carro usado nacional está a garantia o seguinte:

Livro de Revisões Completo

Por vezes é um pouco complicado conseguir obter todo o historial do automóvel em questão, pelo que deve garantir sempre que este tem o livro de revisões completo.

Se todas as revisões e manutenções constarem no livro de revisões então é muito mais fácil perceber se o historial que a viatura usada em que esta interessado é de facto real ou fictício.

Manutenções realizadas na marca

Quando estiver a analisar o livro de revisões do automóvel usado em que está interessado verifique se todos os carimbos que aí constam pertencem à marca ou a oficina autorizada.

O simples facto de as revisões e manutenções terem sido todas efetuadas na marca de origem do carro ou em oficina autorizada dá outra segurança relativamente ao bom estado e funcionamento da viatura.

Quilómetros garantidos

Outro aspeto importantíssimo e que normalmente está alinhado com um dos maiores receios de compradores de carros usados é a adulteração dos quilómetros.

Garanta sempre que a quilometragem anunciada é real. Isto por vezes pode ser um pouco complicado, mas se o carro em que está interessado tiver o livro de revisões completo já é um ótimo ponto de partida.

Se as revisões e as respetivas manutenções tiverem sido feitas todas nos tempos devidos então torna muito mais fácil perceber se a quilometragem é real ou não. Confira as datas em que estas foram realizadas e os quilómetros associados a cada uma delas e logo percebe se há algo que parece incoerente ou não.
Qualquer dúvida estra pode sempre pedir um relatório das inspeções do carro num IPO.

Garantia Automóvel

A lei obriga a que todas as empresas tenham de comercializar qualquer automóvel usado uma garantia de pelo menos 1 ano.

Apoio ao Cliente

Ao comprar carro usado nacional, em stand, tem a garantia de acompanhamento em pós-venda. Como tal, a comunicação é mais fácil e consegue dirigir-se às instalações sem os inconvenientes de comprar à distância.

 

Artigos Relacionados:

21 de outubro de 2020
Newsletter